Smartphone: Quem é dono de quem?

smartphone-addiction2

É Dependente do Telefone?

Os smartphones vieram para tomar conta das nossas vidas. As agendas telefônicas, o calendário de vacinas das crianças, e lembretes diários foram substituídos por engraçadas e úteis aplicações. As novelas e a televisão estão rapidamente a serem substituídos pelas redes sociais, elas também em aplicações, encolhendo os noticiários nos nossos telefones.

securedownload-1

Passamos a fotografas notas, memorandos ,actas de reuniões, aquele perfume que vimos na casa da amiga e queremos saber o nome. Tudo fica dentro de um objecto que pode chegar a medir apenas 10 centímetros.

echeng-iphone-application-screenshots

E agora pergunto, é Dependente do Telefone?

what-does-our-addiction-to-smartphones-say-about-us-1920x800

Eu infelizmente sou.

Quando este fim de semana, o meu smartphone decidiu tomar banho….. tentei ficar calma, e rapidamente pensei no Truque do Arroz que retira a humidade. Não era a primeira vez que funcionava.

48 horas depois o telefone continuava a banhos…. decidiu descansar… dar um break aos meus dedos frenéticos.

Decide entregar-me as delicias de não ter smartphone, e  a aventura é descrita em baixo  por pontos:

  • Decidi acertar o relógio de pulso…. sim tenho o habito de saber as horas pelo telefone. Foi um passo importante, porque percebi que saía de casa quase todos os dias sem acertar o meu relógio.
  • Ao fim de semana, tenho por habito apontar varias coisas que pretendo fazer durante a semana que está para chegar. Desta vez tive que fazer à mão, as notas para o motorista, a lista de compras de supermercado, e um cento de notinhas úteis para a semana. Maravilha foi mesmo andar com folhas brancas e caneta para todo o sitio que ia.

3

  • Consegui ler 200 paginas do meu livro que comecei há cerca de um mês. Conclui que as redes sócias, Whatsapp e afins roubam muito tempo apesar de serem bastante úteis.
  • Não trabalhei. Pois não. No smartphone, há sempre aquele “plim” sonoro que nos avisa que chegou um email, ou mensagem nova. Muitas dessas mensagens são de trabalho…… Pois bem, estava desligado do mundo…. logo nao trabalhei.
  • Pus a carregar as baterias das maquinas fotográficas…. pois…. até isso deixamos de ter à mão pq o smartphone faz isso ao ponto de um não-profissional achar que é Mario Testino.

professional-iPhone-photography

  • Outra coisa que percebi foi que já não se consegue conversar, sem ter o telefone, pois uma imagem ilustra tudo aqui que queremos dizer. “ sabes aquele azul claro que pintei a parede da minha casa? Claro mais giro? Não? Espera vou te mostrar uma foto” e assim se tem resumindo as nossas conversas. É saudável? Já lá chegamos.
  • Passei um fim de semana muito mais tranquilo. Sem os “plims” e os “Trimmmms” constantes. Senti-me bem? Bom… não morri. Senti falta de varias coisas.
  • Conclui que vou colocar regras na minha relação com o meu telefone. Vou deixa-lo mais vezes no silêncio, e menos tempo fora do meu alcance, porque 48horas depois percebi que o mundo não para com certeza, nós é que temos que por um pause, respirar fundo, ganhar forças para voltar apanhar o comboio desta nossa vida que está em Fast Forward.

51e09371d4a2501c7e004570

  • .. ja me esquecia…. vou adoptar o “nao-smartphone” para chamadas de emergência. Para essas sim temos sempre que estar contactáveis. J

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s